Blog Detail

5 Dicas: Como cuidar do seu acessório de couro

Os acessórios de couros são tidos por muitos como sinônimo de qualidade e na maioria das vezes são mesmo.
Confeccionar produtos em couros exige um zelo e destreza muito mais apurada que outros produtos sintéticos, isto faz com que boa parte dos produtos finais feitos em couro legítimo tenha aspectos duráveis e sofisticados. Mas mesmo os produtos em couros necessitam de cuidados, não são muitos e com dicas simples você pode ter sua peça por muito mais tempo.

Dica número 1: Como guardar o acessório?

Os cuidados começam na armazenagem dos acessórios. As peças de couro precisam ser guardadas em um local arejado e com menor umidade possível. Também é indicado que a peça permaneça em temperatura ambiente, pois o calor excessivo pode alterar os pontos de cola além de mofar o couro. Sugestão: Usar a embalagem de madeira ou papel para armazenar, ou outra caixa de MDF maior e deixar ela aberta.

Dica número 2: Como limpar?

Caso sua peça suje ou aja a precipitação de poeira você pode limpar, mas alguns cuidados são imprescindíveis. Jamais lave sua peça de couro em água corrente ou deixe de molho. Não use produtos químicos convencionais para limpar ou dar brilho. Produtos não específicos do couro reagem de maneira negativa com os elementos e fibras e tiram seu brilho ou hidratação em poucas aplicações, portanto, muito cuidado com a exposição a produtos químicos! Após estas observações, você pode usar um pano úmido com água para limpar o couro e deixa-lo secar na sombra em lugar arejado. Evite secar no sol isto resseca o couro. Para hidratar aplicar apenas produtos inerentes do couro.

Dica número 3: Cuidado com  uso

A proposta dos produtos feitos em couro legítimo é a de durar muito mais tempo que outros materiais, acompanhando você em diversas situações. Porém evite praticar esportes com seus Acessórios ou qualquer atividade que terá transpiração excessiva. Por ser um produto que absorve umidade, a transpiração pode comprometer o material alterando seu odor característico e também perdendo vida útil, pois o artigo resseca e pode ficar com cheiro indesejável.

Dica número 4:  Evite superfícies ásperas.

Pulseira, cordões, carteira ou cintos de couros são materiais resistentes e feitos para aguentar o atrito com várias superfícies. Porém não pode ser lixado, ou raspado, pois assim como qualquer pele, isso pode abrir pequenas fissuras em suas fibras e danificar o material.

Dica número 5:  Cuidados com o stress do material.

Um pensamento muito comum e errôneo é que couro legítimo não queima, mas a verdade é que queima sim. Diferente do sintético que é inflamável e ao fazer o teste do fogo o produto se deteriora imediatamente como plástico ou tecido, o couro apenas chamusca e fica com a mancha de queimado e isto estraga o aspecto físico da peça. Outra atitude que deve ser evitada em pulseira ou cordões de couro é forçar o material contra sua colagem. Uma peça de couro é cortada, medida e colada para assumir uma forma, nos caso de pulseira, por exemplo, a peça deve acompanhar seu braço. Abrir a pulseira e puxar o couro além do que ele foi colado faz com que o stress empregado solte os pontos de cola e deixe sua pulseira com aspectos de mal acabada. Evite forçar a peça de couro para além do que ela foi planejada e tenha um acessório por muito tempo.

Deixe um comentario

Seu endereço de e-mail não será publicado.